(MINHO) NA SERIE 1 AC PRADO E DESFALQUE 04 DIVIDEM OS PONTOS. ARREBENTA PIPAS, VENDRICK’S E LUST BAR VOLTAM A VENCER NA SERIE 2!

Foi realizada no passado fim de semana a 2ª jornada da Superliga Minho.

Na Serie 1 tivemos a estreia na competição de 5 equipas, foram elas Armada Invencível, Pappelandia, Mercurial 7, Futsal Os Pugas e Valdozende.

O primeiro jogo de sábado foi entre Armada Invencível e Dream Team, jogo este inteiramente dominado pela formação do Dream Team, tendo a equipa do Armada Invencível evidenciando dificuldades em impor o seu jogo. No final uma vitoria sem dificuldade da equipa do Dream Team, que assim soma os seus primeiros 3 pontos na competição.

O segundo jogo do dia colocou frente a frente Fão Team e Futsal “Os Pugs”. Num jogo equilibrado, entrou melhor o Fão, criando desde cedo algumas oportunidades de golo, conseguido rentabiliza-las ao minuto 10, com o primeiro golo da partida.  A equipa dos Pugs pareceu acordar com o golo sofrido e foi conseguindo impor o seu jogo, chegando á igualdade já na 2ª parte por intermédio de Rafael Gonçalves. A poucos minutos do fim e depois de um lance de génio, Rui Torre (Fão) ultrapassa 4 jogadores e o guarda redes adversário fazendo o golo da vitoria para a sua equipa.

O último jogo do dia foi entre os estreantes Valdozende e Pappelandia, sendo esta ultima uma bela surpresa tal a qualidade de jogo demonstrada. Impondo um ritmo muito alto e sempre com qualidade técnica e táctica, cedo a equipa do Papellandia tomou conta do jogo. A formação do Valdozende tentava com esforço parar o seu adversário e chegar á baliza adversaria, mas foi quase sempre incapaz de o fazer. No final uma vitoria justa da equipa do Pappelandia.

No domingo, jogo entre velhos conhecidos aquele que opôs Desfalque 04 e AC Prado. Depois de muitas batalhas vencidas e perdidas, desta vez houve divisão de pontos, com a igualdade a três bolas no final dos cinquenta minutos. Jogo, como sempre, muito emotivo entre estas duas equipas, onde se notava a garra e o querer de todos os jogadores em campo. Destaque para Tiago Carvalho da equipa do Deslfaque e José Lopes do AC Prado, ambos a bisarem na partida.

O último jogo do dia foi entre mais um estreante, Mercurial 7 e o ACAIB. Se no jogo anterior a emoção esteve sempre presente, este não foi diferente e teve mesmo momentos de emoção a dobrar, com reviravoltas constante no marcador. O jogo foi também ele equilibrado, onde ambas as equipas mostraram bastante disciplina táctica e técnica. No entanto o melhor estava mesmo guardado para o final. A perder por duas bolas a uma no minutos finais da partida, a formação do Mercurial 7 não desarmou e continuou a acreditar que era possível tirar algo mais da partida, sendo recompensado por isso com a reviravolta no marcador, somando dessa forma os 3 pontos logo no jogo de estreia. Destaque para António Henrique, ao assinar um bis e ajudando a sua equipa de forma tremenda para conquistar a vitoria.

Na Serie 2, Lust Bar, Arrebenta Pipas e Vendrick’s voltam a vencer e partilham a liderança na tabela classificativa.

O campeão Lust Bar defrontou e venceu o Everest FC, equipa que fazia a sua estreia na Liga. Jogo de bom nível, com as duas equipas a baterem-se bem. Apesar de ser jogo de estreia para o Everest FC, esta não se deixou intimidar pela equipa do Lust Bar. O primeiro golo da partida surgiu apenas aos 15 e deu vantagem ao Lust Bar. O Everest tentava chegar ao empate, mas a experiência da formação do Lust Bar veio ao de cima, aproveitando muito bem os erros do seu adversário conseguindo uma vantagem de 3 golos. A cinco minutos do final da partida e quando o Lust Bar já vencia por sete bolas a duas, nova boa reacção do Everest, conseguindo reduzir a desvantagem para três golos. No final vitoria da equipa do Lust Bar por sete bolas a quatro frente a uma equipa que promete dar luta ate ao fim de cada jogo.

O Arrebenta Pipas bateu a equipa da Barcafute por cinco bolas a uma. Jogo bem conseguido pela formação do Arrebenta Pipas, que sabia não poder facilitar em nada frente a este adversário. Com isso foi conseguindo controlar o jogo e o resultado. Destaque para João Costa, ele que por duas vezes colocou a bola no fundo da baliza adversaria.

A formação do Vendrick’s foi a que teve tarefa mais complicada, mas ainda assim voltou a somar os 3 pontos. O Guardizela vinha de uma derrota pesada na 1ª jornada e queria dar uma imagem diferente daquele primeiro jogo e apesar da derrota acabou por consegui-lo. O Vendrick`s nunca se sentiu verdadeiramente confortável no jogo, apesar de estar sempre em vantagem, chegando ao golo da tranquilidade apenas ao minuto 48, acabando  aí com as aspirações do seu adversário. Destaque  para o hattrick de Carlos Alves (Vendrick’s) e para os dois golos de Pedro Carvalho (Guardizela).

Por fim, estreia com o pé direito da formação do ARCOV, batendo a equipa do Café Tatana por sete bolas sem resposta. O jogo prometia ser complicado para o ARCOV, depois do bom jogo conseguido pelo seu adversário logo na primeira jornada. No entanto uma entrada desastrosa do Café Tatana, muito desligada e desconcentrada, aliada á qualidade e experiência do seu adversário, ARCOV, permitiu que este assumisse o jogo e com isso vencer, sem complicações, por sete bolas a zero. Destaque para os 3 golos de João Gomes e para as boas exibições de Pedro Vieira e Luís Bastos, estes dois a bisarem na partida.

SERIE JORNADA EQUIPA 1 EQUIPA 2 DATA HORA CAMPO
S1 2 Armada Invencível 1 6 Dream Team FC (Braga) 25-mar 17H00 Rodovia
S1 9 Fão Team 3 1 Futsal “Os Pugs” 25-mar 18H00 Rodovia
S1 1 G.D.R.C. Juv. Valdozende 0 6 Papellandia 25-mar 19H00 Rodovia
S2 2 Vendrick’s FC 4 2 Guardizela 25-mar 18H00 Ringe
S2 2 Arrebenta Pipas 5 1 Barcafute 25-mar 19H00 Ringe
S1 3 AC Prado 3 3 Desfalque 04 26-mar 16H45 Rodovia
S1 2 Mercurial 7 3 2 ACAIB 26-mar 17H45 Rodovia
S2 2 ARCOV 7 0 Café Tatana 26-mar 18H00 Ringe
S2 2 EVEREST F.C. 4 7 Lust Bar 26-mar 19H00 Ringe

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.