LÍDERES EMPATAM-SE E MANTÊM LUTA PELO TÍTULO EM ABERTO!

 

SUPERLIGA SEMANAL

 

Rebis FC 2-13 Red and White Army

DUPLA RICARDO CARVALHO E NUNO ANJOS ESTEVE IMPARÁVEL!

Red and White Army começa totalmente por cima do jogo, obrigando o guarda-redes adversário a várias intervenções. Contudo, Ricardo Carvalho consegue abrir o marcador aos 5 minutos à entrada da área em zona central, e logo no minuto seguinte recebe a bola dentro de área e finaliza para o 2-0. Perante as dificuldades que o Rebis ia apresentando para transpor o meio-campo, os Red and White iam continuando a aumentar a sua vantagem, Nuno Anjos faz o 3-0 aos 11 minutos, Pedro Costa o 4-0 aos 12 e novamente Nuno Anjos aponta o 5º golo da sua equipa com 14 minutos de jogo disputados. Só aos 16 minutos surgiu o primeiro lance de perigo do Rebis, que conseguem enviar uma bola ao poste. Já perto do Intervalo os Red and White Army chegam à 5ª falta, mas acabariam por ser estes a voltar a marcar, com Pedro Costa a fechar as contas da 1ª parte num 0-6. Numa 2ª parte em que o Rebis entra com uma nova cara e já consegue criar um maior conjunto de jogadas sobre o meio-campo adversário, é novamente o Red and White quem começa por marcar, com Ricardo Carvalho a chegar ao póquer nesta partida, com golos aos 24 e 25 minutos. A melhor fase do Rebis veio logo de seguida, reduzindo João Granadas aos 25 minutos para 1-8 e aos 32 minutos é Rui Ribeiro quem aponta um novo golo para o Rebis, colocando assim o marcador num 2-8. Até final, apenas voltaria a dar Red and White Army, fechando esta equipa o resultado com mais 5 golos num 2-13, com destaque para um golo ainda apontado pelo seu guarda-redes e principalmente para a dupla Ricardo Carvalho e Nuno Anjos, que entre ambos apontaram 9 dos 13 golos da sua equipa.

 

FC Eucaliptos 6-3 Bifanas Team

NUM JOGO COM UM TOTAL DE 9 GOLOS, O DESTAQUE FOI PARA OS GUARDA-REDES!

Início de jogo com os Eucaliptos com mais bola, mas com oportunidades a surgir para os dois lados. Eucaliptos iam estando melhor a construir jogo e os Bifanas a apostar em remates de longe. Bernardo Silva, guarda-redes dos Bifanas, ia mantendo o jogo empatado com várias intervenções, mas ao mesmo tempo, na outra baliza, João Marques salvou os Eucaliptos de começar a perder sempre que foi chamado a intervir. Só aos 17 minutos se festejou golo, com Daniel Oliveira a abrir o marcador para os Eucaliptos, mas logo no minuto 18 surge o empate saído dos pés de Hugo Fernandes. Até ao intervalo apenas mais um golo, com João Monteiro dos Bifanas a dar a reviravolta no marcador aos 20 minutos e a levar a sua equipa para o descanso a vencer por 1-2. Início da 2ª parte com novo melhor começo dos Eucaliptos, desta feita com golos, fazendo estes uma nova reviravolta no marcador com dois golos aos 24 e 27 minutos, apontados por Daniel Oliveira e Gonçalo Correia respetivamente. Jogo novamente em aberto, Bifanas foram melhores na fase final do jogo mas iam falhando na finalização e já aos 37 minutos de jogo, logo após um pedido de desconto de tempo por parte dos Eucaliptos, volta a festejar-se golo, com Alfredo Bastos a dar uma vantagem de 2 golos à sua equipa. Pouco depois os Eucaliptos conseguem sentenciar a partida com Gonçalo Correia e Daniel Oliveira novamente a marcar, chegando assim a uma vantagem de 6-2. O melhor que os Bifanas conseguiram até final foi reduzir para 6-3 através de Tiago Sousa, mas os 3 pontos foram mesmo para os Eucaliptos.

 

OF Produções 5-5 InterSac

CONSTANTES REVIRAVOLTAS NO MARCADOR TERMINAM EM EMPATE!

Jogo com maior domínio inicial por parte do InterSac, aproveitando da melhor forma o desacerto inicial do seu adversário e assim chegam ao 0-1 aos 5 minutos por Paulo Sousa. O que se seguiu foi um verdadeiro jogo de líderes, com os OF Produções à procura de construir jogo para chegar à baliza adversária e o InterSac a apostar mais em saídas rápidas para o ataque. Acabou a ser depois o OF Produções a chegar ao empate numa jogada de contra-ataque, aproveitando a sua superioridade numérica para ver Mahomed Hassane marcar aos 14 minutos. Depois viveram-se momentos mais acesos no jogo, ambas as equipas não queriam por nada perder pontos neste jogo, mas seria depois já em cima do intervalo que se daria a reviravolta no marcador, novamente com Mahomed Hassane a marcar o 2-1 para o OF Produções. Mesmo em cima do apito, Pedro Mateus consegue empatar a partida para o InterSac, indo assim o resultado para o intervalo num 2-2. Entrada desconcentrada do InterSac obriga Nuno Costa a 3 intervenções importantíssimas que mantiveram jogo empatado, vendo este depois as suas intervenções premiadas com a reviravolta no marcador para a sua equipa, quando José Carlos aos 29 minutos faz o 2-3. Como não há duas sem três, nova reviravolta voltou a surgir no espaço de 3 minutos, quando Mahomed Hassane chega ao Poquer nesta partida ao apontar mais 2 golos aos 31 e 33 minutos, que colocam novamente o marcador favorável à equipa do OF Produções (4-3). Aos 37 minutos, um penalti devolveu o empate a esta partida, não desperdiçando Jorge Carvalho a oportunidade, mas logo no minuto seguinte Mohamad Yiossuf volta a colocar o OF Produções na frente do marcador (5-4). Com 4 minutos para se jogar, uma combinação perfeita entre Paulo Sousa e Jorge Carvalho termina num novo golo de Jorge Carvalho, que empata assim o jogo a 5 golos, e por muito pouco este jogador não consegue já num dos últimos lances do jogo colocar a sua equipa a vencer e levar assim os 3 pontos. Empate justo numa partida onde os OF Produções até estiveram ligeiramente por cima, mas a vasta experiência dos InterSac permitiu-lhes nunca perder o controlo do jogo e sair assim pelo menos com 1 ponto.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.