Favoritos vencem no arranque da taça

No grupo A da Taça Minho 5, o Atlético de Padim venceu o Segunda às oito por 5-3, num jogo marcado pelo equilibrio. O Segunda às oito até entrou melhor no jogo, e à passagem do minuto três já vencia por 2-0, golos apontados por David Almeida e Paulo Costa. O Atlético de Padim reagiu e também marcou dois golos de rajada, através de Carlos Ribeiro e Marco Pereira. Tudo isto nos primeiros dez minutos de jogo. O Segunda às oito foi de novo para cima do Atlético de Padim e voltou à vantagem do marcador à passagem do minuto 13 por José Fernandes. O Atlético de Padim não se deixou abalar pelo golo sofrido e conseguiu o empate antes do intervalo, golo marcado por Diogo Campelos. O empate ao intervalo estava de acordo com o que se tinha passado dentro de campo. Na segunda parte, o Atlético de Padim mostrou-se mais forte que o Segunda às oito  e chegou à vantagem à passagem do minuto 29 por Rui Leite. O mesmo Rui Leite colocou um ponto final na partida já nos últimos instantes de jogo, confirmando a vitória do Atlético de Padim por 5-3. Na outra partida do grupo, o FC Lokomotiv Gondar venceu de forma clara o Grupo Desportivo da Goma por 14-1, confirmando o favoritismo que lhe era atribuido. O resultado começou logo a avolumar-se nos primeiros minutos da partida, pois ao minuto dez o resultado já era de três zero. Ao intervalo verificava-se o resultado de 10-1, com os principais destaques a serem Montoya e José Pereira com três golos cada um e do lado do GD Goma o destaque vai para Fernando Rodrigues autor do golo. Na segunda parte o GD Goma conseguiu equillibrar mais o jogo, mas o Lokomotiv continuava com muito eficaz e marcou mais quatro golos, um desses apontado por José Pereira que chegou ao poker.

No grupo B os dois favoritos também não facilitaram e venceram os seus jogos. O Conquistadores SC venceram por 8-1 o Raça Jovem FC. O primeiro golo surgiu ao minuto 5 por João Oliveira, o segundo e terceiro golo surgiram no mesmo minuto, através de José Ferreira e Joel Pereira. O quarto golo chegou em cima do intervalo por intermédio de Victor Faria. A segunda parte começou com o Conquistadores SC a controlar o jogo e com o Raça Jovem a tentar reduzir o marcador, para poder entrar de novo no jogo. O resultado voltou a avolumar-se nos últimos dez minutos da partida, com quatro golos em sete minutos, apontados por Victor Faria e Rui Oliveira. Pelo meio, José Eduardo, marcou o golo do Raça Jovem FC. No outro jogo do grupo, o CSE Hools/Seriflex venceu de forma contudente o Pé na cova por 9-1. O Pé na cova entrou concentrado no jogo e conseguiu adiar o primeiro golo do CSE Hools/Seriflex até ao minuto 10, golo apontado por Eduardo Santos. Este golo desbloquiou o jogo e até ao intervalo o CSE Hools/Seriflex marcou mais quatro golos chegando ao intervalo a vencer por 5-0 com Eduardo Santos a destacar-se a fazer três dos cinco golos. Na segunda parte o rumo do jogo não se alterou e a diferença no resultado continuou a crescer terminando o jogo em 9-1. Destaque para Bruno Silva que fez um har-trick e para Eduardo Santos que fechou a sua conta pessoal num póker. Nélson Pereira marcou o golo do Pé na cova.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.