FAVORITOS COMEÇAM A IMPOR A ORDEM EM QUARTEIRA, INCOMUNS IMPÕE GOLEADA DA JORNADA EM FARO, ÁGUA SALGADA MOSTRA VALOR NO ARRANQUE DA SUPERLIGA PORTIMONENSE

DOMINGO INÉDITO COM AS TRÊS SUPERLIGAS ALGARVIAS EM DESTAQUE!

Competição Oficial da Associação Portuguesa de Futebol 7.

QUARTEIRA:

Esta 2ª jornada começou como foi dito a desenhar um esboço de quem serão os candidatos ao título na Superliga de Quarteira.

Dallas teve frente ao N Barbeiro, um jogo que testou realmente as suas capacidades como equipa. Num jogo muito intenso e disputado como sempre são os jogos destas equipas, o equilibrio foi a nota dominante de um jogo que teve 11 golos sendo que o marcador acabou favorável aos Dallas que venceram a partida por 6 golos contra 5 dos N Barbeiro.

A que Ganha, após a vitoria tirada a ferros frente aos Dope City, jogaram frente aos Dreams Bar. Um jogo que foi dominado em completo pela equipa dos A que Ganha que a espaços foi sofrendo algum incomodo defensivo fruto de alguma desconcentração. Apesar disso, o jogo acabou por pender para o lado da A que Ganha que controlando o ritmo de jogo acabou por construir uma vitória com 3 golos sem resposta.

Pastelaria Bijou apadrinhou a estreia da equipa dos Merengues e venceu de forma clara por 5 bolas a duas. Um jogo que foi, apesar do resultado, bastante equilibrado em que as jogadas de ataque se sucederam para ambas as formações. Valeu a maior eficácia e experiência da equipa dos Bijou, que paulatinamente vai apagando a má imagem deixada na época passada.

FARO:

Sushi Pearl e 7 Violinos, protagonizaram um bom jogo, rico em oportunidades e falhanços incríveis por parte dos 7 Violinos. A eficiência e à vontade dos Sushi Pearl acabaram por imperar sendo que se não fosse o desacerto dos pouco inspirados atacantes dos 7 Violinos e talvez o resultado tivesse sido um pouco diferente. De sublinhar de qualquer das formas o bom jogo que ambas proporcionaram.

Hubel que precisava de vencer após o empate a zero na 1ª jornada, assim o fez. Num jogo muito contestado por parte da equipa derrotada, os Hubel fizeram valer a sua capacidade de manter a calma em momentos cruciais do jogo.

Militextil e FC Relva disputaram um encontro inédito na Superliga pois foi o primeiro confronto que tiveram no campeonato. Num jogo onde o FC Relva necessitava de vencer para não perder a ligação aos primeiros, assim não aconteceu, muito por culpa do poderio da equipa dos Militextil que comandou o jogo de principio a fim cabendo-lhes as melhores oportunidades da partida. No final vitória dos Militextil por 4 a 1.

Ron Jeremies e Lobos, formam a dupla que na 1ª jornada perdeu os seus jogos. Assim, e para que não perdessem o comboio dos primeiros viam-se obrigados a vencer a partida. Assim sendo e como já seria de esperar o jogo foi imensamente disputado e com poucas ocasiões. Acabou por vencer os Ron pela margem mínima. Um apontamento para os Lobos que nunca desistiram de lutar pelo resultado até ao último minuto.

Incomuns FC e Moh Farenses fecharam a tarde farense no que diz respeito as jogos da Superliga. Um jogo em que os Incomuns não deram qualquer hipótese aos Moh Farenses, que apesar do seu espírito de equipa, nada puderam fazer contra o maior poder da equipa dos Incomuns, que se começam a afirmar como uma equipa candidata a vencer a competição.

PORTIMÃO:

Imparáveis e Água Salgada – Sagres, estrearam a nova Superliga em Portimão. Um jogo onde os Água Salgada mostraram muita classe em todos os momentos do jogo. Trocas de bola muito interessantes e uma organização colectiva muito forte. Imparáveis que apesar do esforço não conseguiram parar uma equipa dos Água Salgada que corroeram a defesa adversária e venceram por uns claros 6-1.

Só Segundas United e Farroupilha FC proporcionaram um bom jogo, cheio de equilíbrio e também intenso e com bastante indecisão no marcador. Equipas muito equivalentes na valia técnica e táctica e que só a eficácia um pouco superior dos Farroupilha acabou por marcar a diferença.

Quis o destino que Spartans e Shaktar Donuts fechassem com chave de ouro o dia da Superliga portimonense. Um jogo intenso, duro em alguns momentos, cheio de indecisão, oportunidades e sobretudo muita emoção. Jogadores de ambas as equipas deixaram tudo nos 50 minutos da partida de estreia, ninguém quis perder mas o maior poderio físico e atacante da equipa dos Spartans acabou por lhes dar a vitória. De frisar o bom jogo proporcionado sempre em parada e resposta, sendo o 4-3 para os Spartans um prémio pela acutilância com que atacaram a baliza adversária.

Estes são os resultados dos jogos da 1ª e 2ª jornada das Superligas Algarvias:

Faro – Domingo, 8 de Fevereiro
15:00 Sushi Pearl  5 vs  3 7 Violinos SL – 1
16:00 FC O Vitória  1 vs  3 Hubel SL – 2
17:00 Militextil Fardamentos  4 vs  1 FC Relva SL – 2
18:00 Ron Jeremies  2 vs  1 Lobos SL – 1
19:00 Incomuns FC  7 vs  2 Moh Farenses SL – 1
 Quarteira – Domingo, 8 de Fevereiro
16:00 Restaurante Dallas  6 vs  5 N Barbeiro SL
17:00 A que Ganha  3 vs  0 Dreams Bar SL
18:00 Pastelaria Bijou  5 vs  2 Merengues SL
Portimão – Domingo, 8 de Fevereiro
16:00 Os Imparáveis  1 vs  6 Água Salgada – Sagres SL
16:30 Só Segundas United  2 vs  4 Farroupilha FC SL
17:00 BDM Team  5 vs  0 Silves Gare – FC SL
17:30 Spartans  4 vs  3 Shaktar Donuts SL

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.